#brainblog

           Agilidade em empresas tradicionais: como implementar?

Data: 22 março 2022 | Categoria: Inovação
Foto de quatro pessoas trabalhando a agilidadem em empresas tradicionais.
           

Organizações tradicionais estão, nos últimos anos, diante de desafios impostos por um mundo volátil, dinâmico e repleto de inovações e desafios que demandam respostas rápidas. Porém, como implantar a agilidade em empresas tradicionais

O termo ágil, que tem forte relação com as metodologias ágeis, vem sendo adotado por empresas de diversos segmentos. Essa filosofia de trabalho permite que times auto-organizados avancem em ritmo acelerado na busca de inovações por meio de diferentes métodos.

Entenda como implementar a agilidade nas empresas tradicionais e por que não faltam motivos para aliar a inovação e criatividade com a burocracia característica de negócios com modelos convencionais de gestão.

Por que levar o ágil para empresas tradicionais

Em um mundo com mudanças constantes, saber mudar de forma rápida para aproveitar as oportunidades ou se defender dos concorrentes é fundamental. 

Os métodos ágeis ajudam nesse processo, pois trazem diferentes maneiras de pensar e executar tarefas. Da mesma forma, permitem a rápida adaptação a novos cenários, o ganho de tempo, a economia de recursos e o desenvolvimento de novos produtos e modelos de negócio rapidamente.

Além disso, os métodos e a mentalidade ágeis ajudam a melhorar a qualidade do serviço, já que essas metodologias estimulam a adoção de testes e validações constantes em curtos espaços de tempo. Isso, como consequência, aumenta as chances de satisfazer as necessidades de clientes.

Portanto, entre os motivos para levar a agilidade para empresas tradicionais, estão:

  • Encurtar processos;
  • Estimular a melhoria contínua;
  • Aumentar a colaboração e alinhamento entre pessoas e áreas;
  • Incrementar a produtividade e a eficiência;
  • Possibilidade de agregar valor a processos que já existem.

Dificuldades que empresas tradicionais têm em implementar metodologias ágeis

Apesar dos motivos, existem desafios na implementação de metodologias ágeis em empresas tradicionais.

Isto porque, mesmo que essas companhias queiram se tornar mais inovadoras perante as transformações digitais que o mundo vem sofrendo, a busca frenética para ser ágil, realizada sem o apoio de especialistas, pode trazer problemas como:

  • Redução de performance e valor;
  • Clientes nervosos;
  • Funcionários insatisfeitos;
  • Insatisfação entre investidores;
  • Trocas de liderança e rotatividade.

Assim, entre os principais desafios para implementar metodologias ágeis em empresas convencionais estão o excesso de tarefas e processos burocráticos e a busca por agilidade sem compreender que ela deve ser incorporada ao negócio, em vez de substituir todos os processos já existentes.

Como começar a implementar o ágil

1. Agilidade e burocracia não são rivais

Um dos primeiros passos para implantar a agilidade em empresas tradicionais é entender que a burocracia não é inimiga da mudança e da inovação, mas sim uma possibilidade de organizar processos. 

A burocracia foi uma das grandes inovações da história da administração de negócios, pois implantou a autoridade hierárquica, divisões especializadas do trabalho e procedimentos operacionais padronizados, o que permitiu o surgimento de empresas muito maiores do que antes.

Logo, é possível usar a burocracia para organizar tarefas e definir o que deve ser feito e como fazer de maneira clara, estável e previsível. Ao mesmo tempo, é necessário combinar processos burocráticos com a inovação e a criatividade.

2. Incorpore o mindset ágil de forma gradual

O mindset ágil é a mentalidade que busca a inovação, colaboração, aumento de valor do produto e adaptação rápida em uma empresa de maneira contínua. Isso permite ir além de gestões centralizadoras e burocráticas em excesso e ajuda o trabalho de times a ser mais rápido, participativo e, principalmente, sempre em busca de melhorias.

É essencial que lideranças e, também, que a equipe mude sua maneira de pensar por meio do estímulo a práticas como o autogerenciamento, a colaboração e a constante troca de ideias no qual as lideranças conduzam suas equipes sem desempenhar mais um papel tradicional de chefia, mas sim ao guiar as equipes por meio do desenvolvimento contínuo em direção às metas estabelecidas.

3. Procure parcerias para a implantação de métodos ágeis

Por fim, procurar por informação é fundamental para empresas tradicionais que desejam contar com os benefícios das metodologias ágeis. Afinal, muitas vezes é necessário buscar fora da empresa referências e parceiros que possam indicar caminhos para a adoção da agilidade em companhias convencionais.

Atualmente, existem cursos e uma série de conteúdos que ajudam a entender as bases do manifesto ágil, quais as metodologias ágeis que existem e como é possível adotá-las e adaptá-las à realidade da sua empresa.

Ao mesmo tempo, existem empresas especializadas na implementação de métodos ágeis e programas de inovação e intraempreendedorismo que podem acelerar a adoção dessa filosofia de trabalho tão importante nos dias atuais.

O Brain oferece o Consulting, consultoria voltada para a cultura de inovação, transformação digital, desenvolvimento de produtos e soluções e uma série de outros aspectos relacionados a métodos ágeis em uma empresa. Saiba mais e comece a implantar a agilidade na sua empresa!

Ilustração de um celular com uma foto de um homem sorrindo e o texto "Brain Consulting: Evolução digital e inovação para o seu negócio! Saiba mais".

Compartilhe
   
REDAÇÃO BRAIN

1 2 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x