#brainblog

           Metaverso: entenda de uma vez o que é e como funciona!

Data: 05 maio 2022 | Categoria: Tecnologia
Ilustração de uma pessoa usando óculos de realidade aumentada, enquanto está no metaverso.
           

Metaverso é uma realidade virtual, que tem como características a imersão e interatividade, e funciona por meio de dispositivos digitais. Assim, o metaverso proporciona experiências além do nosso universo, já que meta, do grego, é um prefixo que significa “além de” ou “transcendente a”.

_______________________________________________

Quando pensamos em metaverso pela primeira vez, imaginamos um mundo ainda inexistente, futurístico. Nele, a tecnologia é utilizada para realizar todas as tarefas do dia a dia e tornar a nossa vida bem mais prática.

Entretanto, o metaverso está mais próximo do que imaginado. Isto porque várias experiências digitais já são possíveis no nosso mundo físico. Além disso, é possível criar e integrar mundos virtuais de diversas maneiras. 

Inclusive, o próprio termo metaverso não é exatamente uma novidade. Ele foi utilizado pela primeira vez em 1992, em um romance de ficção científica, chamado Snow Crash, de Neal Stephenson. Nele, o protagonista tem a oportunidade de viajar por um mundo virtual

Alguns jogos já dão pequenas amostras do que é possível com esse novo universo, como o Fortnite, Roblox e Minecraft, que possuem a imersão como característica

Porém, as possibilidades que o metaverso cria são muito maiores do que as encontradas apenas em jogos. É uma tecnologia em crescimento, com a tendência de fazer parte das nossas vidas de maneiras nunca vistas.

Por isso, vamos mostrar o que é o metaverso, o que já é realidade e como você também pode fazer parte deste novo universo, que, ao que tudo indica, chegou para ficar. 

Mas afinal, o que é metaverso? 

Poder ter experiências além do nosso universo é, basicamente, o conceito de metaverso. Conforme a própria origem da palavra sugere, já que meta, do grego, é um prefixo que significa “além de” ou “transcendente a”.

Mas, como ir além do nosso universo? Com o metaverso é possível criar mundos inteiros totalmente digitais. Também, ter experiências únicas nesse ambiente, vivenciando situações que não são possíveis no mundo físico. 

Além disso, é possível inserir elementos digitais em nosso dia a dia e, assim, criar experiências novas, graças à tecnologia e o uso interativo que ela possibilita. 

Essas tecnologias são fundamentais para fazer com que o conceito de metaverso seja ainda mais amplo, como, por exemplo, a realidade virtual, ou VR, do inglês, Virtual Reality.

Como aplicar o metaverso?

A VR é o conceito que possibilita imersão total em um ambiente simulado, com interação em 360º em um cenário digital. A sensação é de estar, de fato, em uma realidade paralela. 

Ela vem acompanhada de diversos equipamentos que permitem, por exemplo, que os usuários vivenciem os jogos por meio de interações digitais. Assim, sentem como se estivessem no mundo do jogo e vivendo as experiências como jogadores. 

Além da VR, também temos a VA, do inglês Augmented Reality, ou realidade aumentada. Ela consiste na utilização da tecnologia para inserir elementos digitais em nosso mundo físico, melhorando a nossa vivência em funções cotidianas e transformando interações simples em inteligentes. 

A realidade aumentada é utilizada, por exemplo, na tecnologia que permite a leitura de QR Code por um smartphone. Também, no jogo que viabiliza aos jogadores a caça de Pokémon pelas ruas da cidade. 

Há ainda a Mixed Reality, MR ou realidade mista. Como o próprio nome sugere, é uma junção das duas tecnologias anteriores, que torna possível, por exemplo, o uso de hologramas no mundo físico. Ou seja, maior interação do digital no mundo real

Embora pareça que o metaverso somente é utilizado apenas em jogos para a nova geração, é importante entender que, na realidade, o conceito deste novo universo é melhorar as conexões e proporcionar formas mais inteligentes de realizar tarefas, além de aumentar a liberdade de expressão. 

O que já é realidade nesse universo? 

Gradualmente, o metaverso vem se infiltrando em nossas vidas, graças à melhora tecnológica, que permite que avanços sejam incrementados em nosso cotidiano, de forma que nem percebemos como já evoluímos.

Não é à toa que o Facebook modificou o nome da empresa-mãe para Meta, em que fazem parte o Instagram, o WhatsApp e o próprio Facebook. 

A ideia é que, entre 5 e 7 anos, o metaverso esteja presente nas empresas como um ecossistema único e interligado, em que seja possível socializar, estudar, trabalhar e se divertir de maneira conectada, realista e associada à terceira dimensão. 

Durante o período de isolamento social, por exemplo, pudemos presenciar como o metaverso enriqueceu a cultura, tal como a possibilidade de realizar visitas em museus de forma online, “participar” de um show à distância ou ver obras de arte por meio de uma tela. 

Metaverso no mundo da educação

Na área da educação, a tecnologia pode proporcionar aos alunos experiências de aprendizado enriquecedoras, ao conseguir visualizar a ação de um vírus no corpo humano por meio da realidade aumentada, por exemplo.

Além disso, também conseguiremos visualizar hologramas com os diferentes tipos de ecossistemas, aprender com especialistas à distância, entre outras possibilidades. 

Metaverso no varejo

No varejo, grandes marcas como Nike, Adidas e outras do mundo da moda já começaram a comercializar os produtos em sua versão digital.  As grandes marcas também estão organizando eventos virtuais, como desfiles e lançamentos de NFT’s. Por fim, temos os tokens não-fungíveis, que dão identidade aos itens virtuais e conferem exclusividade.  

Metaverso no mundo dos games

Existem jogos que permitem a construção de uma vida inteiramente nova no mundo digital. Podemos destacar o Roblox, Fortnite, The Sims, Decentraland e Minecraft, que já possuem um grande público, que se expressa e socializa com outras pessoas em plataformas virtuais.  

Como e onde entrar no Metaverso?

Imagem de médica com óculos de realidade virtual

                                     Imagem de médica com óculos de realidade virtual (Fonte: Unsplash)

Como vimos ao longo do texto, todos nós já estamos dentro do metaverso, de uma forma ou de outra, vivenciando a tecnologia em nosso cotidiano sem perceber como um novo universo está surgindo. 

Porém, se você está em busca de uma experiência mais imersiva, a resposta pode estar nos jogos existentes ou na utilização dos equipamentos que possibilitam o uso da realidade virtual. 

Os óculos de realidade aumentada, por exemplo, trazem uma experiência completamente diferente e interativa. As criptomoedas, moedas digitais, também fazem parte desse universo. 

O metaverso já está entre nós e, ao que tudo indica, continuará fazendo parte, cada vez com mais intensidade, das nossas vidas. Clique aqui para ficar por dentro das últimas tendências tecnológicas!

Compartilhe
   
REDAÇÃO BRAIN

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x